Santuário Nossa Senhora do Guadalupe

Rua Sophia Velter Salgado, s/nº - Vila Castelo Branco - Campinas, SP

+55 19 3227.5492

Conheça os mantos da Mãe Aparecida

O primeiro registro sobre um manto utilizado pela Imagem original, cita o de cor carmesin (vermelho forte).

Ao longo da história da Padroeira do Brasil a pequenina Imagem sempre foi alvo de muitos estudos e pesquisas. Entre esses registros um é bastante peculiar: os mantos que cobriram a Imagem ao longo dos últimos trezentos anos.

Algumas referências encontradas sobre os adereços colocados na Imagem apontam como os mais comuns, o manto e a coroa, mas a Imagem já chegou a carregar grandes e pesados cordões em seu pescoço.

O inventário dos bens e alfaias sagradas do Santuário, com data de 5 de janeiro de 1750, cita um desses mantos utilizados pela Imagem de Aparecida: “Um manto de carmesim com ramos de ouro aplicados no mesmo, doado por Francisco Soares Bernardes da cidade de Mariana, Minas Gerais” (cf. História de Nossa Senhora da Conceição Aparecida). Segundo o autor, os objetos eram colocados para disfarçar a quebra da Imagem.

A Imagem usou vários cordões de ouro. Em 1770, aparece uma citação sobre estes ornamentos. Nessa época, os registros indicam que os cordões que existiam foram vendidos para ajudar na reforma da capela.

Desses adereços apenas alguns podem ser encontrados no acervo do Museu Nossa Senhora Aparecida e mesmo na Reserva Técnica do Santuário Nacional, onde os objetos históricos ficam armazenados quando não estão em exposição. Localizados na Torre Brasília, no Santuário Nacional, esses lugares guardam inúmeras preciosidades para que a história possa ser preservada e continue a ser transmitida às demais gerações.

OS MANTOS DA PADROEIRA

Dos mantos utilizados na Imagem da Padroeira do Brasil ao longo de sua história, existem algumas informações e poucos foram armazenados. Dos encontrados, os dois são relacionados à cerimônia de Coroação de Nossa Senhora Aparecida, em 1904.

O primeiro está em exposição no Museu junto com uma réplica da coroa doada pela Princesa Isabel, em 1868. O segundo manto devido ao seu estado de deterioração está armazenado na Reserva Técnica. O manto que na época era de cor azul anil hoje pouco guarda dessa tonalidade. O primeiro que está em exposição no Museu ainda guarda tonalidades vivas e ornamentos bastante preservados

A primeira foto do manto
O primeiro retrato que se tem notícia da Imagem original foi feito pelos fotógrafos franceses Luiz Robin e Valentim Fraveau, em 1869. Nesta aparece um manto utilizado pela Imagem naquela época. A outra imagem, do fotógrafo amador, André Bonotti, tirada em 1924, apresenta a Imagem sem o manto, com um dos cordões ao redor do pescoço. Ela foi muito utilizada pelos especialistas para constatar o estado primitivo da Imagem até esta época.

Fotocópia do registro mais antigo da Imagem da Padroeira, feito pelos fotógrafos franceses, em 1869. (o registro é o único encontrado na Cúria Arquidiocesana de Aparecida)

O manto primitivo

Peritos constataram que a Imagem primitiva era originalmente policromada, tinha a pele do rosto e das mãos brancas, um manto de cor azul escuro e o forro vermelho granada. Estas eram as cores oficiais, conforme determinação de Dom João IV, de 25 de março de 1646, quando tornou a Santa Virgem, sob a invocação da Imaculada Conceição, Padroeira do Reino de Portugal e seus domínios. Ao longo dos anos, foi adicionado um sobremanto em forma triangular e uma coroa, o que permanece até os tempos atuais.

Os mantos confeccionados pelas Irmãs Carmelitas

Desde 2010 as Irmãs Carmelitas bordam os mantos que são colocados na Imagem que fica no Altar Central durante a Novena e Solenidade. Esses mantos estão todos guardados na Reserva Técnica para registrar também essa outra história dos mantos. Veja nas fotos, os mantos de cada ano desde 2010.

Por A12

2 Comentários para “Conheça os mantos da Mãe Aparecida”

  1. Eu sonhei com nossa senhora Aparecida vestida com um manto vermelho que mudava de cor indo para a cor vinho roxo. Ela estava no céu de braços abertos. Atrás de um pé de manga muito alto. Eu dei a volta para ver melhor e era mesmo nossa senhora Aparecida vestida com um manto vermelho que mudava de cor indo para a cor vinho roxo. Eu nunca tinha visto ela no manto dessa cor. Ó manto asvez fica escuro e era muito lindo. Eu já vi nossa senhora Aparecida em sonhos vestida de manto azul. Eu estou maravilhada. Estou flutuando. Eu queria intender meu sonho. Eu queria saber se a mãe Aparecida quer me falar alguma coisa. Eu não sei como explicar o quanto ela estava linda. Obrigada meu Deus. Muito obrigada. AMÉM

  2. Davi Moreira disse:

    Eneide, realmente o manto da Virgem Aparecida é vermelho, o seu primeiro manto foi de cor vinho vermelho, e nao azul

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

Newsletter