Santuário Nossa Senhora do Guadalupe

Rua Sophia Velter Salgado, s/nº - Vila Castelo Branco - Campinas, SP

+55 19 3227.5492

Mensagem do Reitor › 05/02/2016

O começo de uma grande história

A partir de hoje você começa a fazer parte da Família Guadalupe, em que nos encontraremos para conhecer um pouco mais sobre o Santuário de Nossa Senhora de Guadalupe e a maravilha que foi a aparição de Guadalupe ao índio Juan Diego.

Muitos foram os desdobramentos a partir da aparição, libertação dos povos indígenas do México, milagres incontáveis sobre a ação de Maria na vida dos fiéis. Tudo isso conduzido por um profundo amor materno de Maria por cada um de nós que a amamos e queremos ficar protegidos por seu mando e sob o seu materno olhar.

A Virgem de Guadalupe carrega em seu manto o mistério do amor misericordioso pela humanidade, que se revela na medida em que a tecnologia vai avançando, assim como o nosso desejo de fazer Maria mais participante em nossas vidas, como mãe, protetora, intercessora, medianeira, companheira, advogada, rainha, amiga e constante médica de nossas almas, muitas vezes feridas pelo tempo e pelas pessoas.

Começar essa caminhada é recolocar o lugar que Maria tem na vida do cristão e dar a ela o lugar que é merecido à sempre Virgem Maria, Mãe e Senhora nossa. Lugar que nunca deveria ter sido roubado, colocando-se outros objetos, pessoas e desejos em seu lugar. Espaço que rapidamente foi preenchido com coisas vazias, mas com aparência de importantes e vitais.

Buscar é algo que o ser humano deseja fazer sempre, mas não pode, com isso, desmerecer ou aviltar o que já tem seu lugar desde o nascimento de Jesus Cristo e a sua poderosa intercessão junto ao Pai e a Seu Filho, pelas múltiplas necessidades que cada um de nós tem, que precisamos de sua ajuda.

Venho pedir que, ao se juntar a nós, atraia outro também, movido pelos mesmo sentimento que o seu e o nosso, e assim façamos nascer a grande “rosa” da esperança de mudança nos corações, que Maria distribui a cada caminheiro na busca da misericórdia de Deus por nós.

Que o olhar terno de Maria produza em cada um os melhores sentimentos e faça aflorar a fé dormente que palpita no coração de cada um e que precisa ser regada como a rosa para produzir belos e ricos frutos de beleza e perfume suave. Some conosco forças para que logo mais outros, muitos outros, todos venham a motivar-se a viver sobre os cuidados da Virgem das Américas, Guadalupe.

Aos olhos da mãe somos sempre filhos, aos olhos dos filhos somos independentes, mas aos olhos de Deus somos sementes de amor que Ele mesmo plantou no jardim do mundo, esperando frutos que perfumem o horizonte da vida, das nossas vidas e das que nos cercam.

Ó Virgem de Guadalupe, tenha-nos sob o seu olhar e debaixo desse manto azul como o céu, que possamos brilhar como as estrelas de seu manto, marcando um novo céu e uma nova terra.

Padre Carlos José Nascimento

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

Newsletter